segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Devemos cultuar e cantar louvores a DEUS! Por Flávio Oliveira

Estamos diante de Um Deus todo Poderoso, que é o grande EU SOU, aquele que não é criatura, e sim o nosso criador, é o Deus Santo... Santo em todos os seus atributos, dono da sabedoria, cujos seus pensamentos são insondáveis! Não há homem na terra capaz de sondar a mente de um Deus como nosso Deus.


Portanto não podemos cultuar a Deus e entoar louvores de qualquer maneira. Pois estamos diante do Rei dos Reis.

O momento de cultuarmos a Deus não tem a ver com o homem e sim a Deus. È o momento de Reconhecermos nosso Criador com reverencia, devoção em adoração a Deus.

O culto, o louvor e a Palavra precisam estar de acordo com as escrituras. Ele é a fonte de todas as coisas e para Ele são todas as coisas, assim nosso culto tem que demonstrar o nosso amor para Deus em adoração.

Quando realmente entendemos o evangelho e recebemos as boas novas de Cristo, e cremos de fato na sua morte vicária, seremos tomados por um sentimento de total gratidão, devoção e temor a Deus.

O nosso louvor não será cantar musicas que nos agrade ou toque nossas emoções, claro que em algum momento pode ocorrer, mas o foco no culto será proclamar as leis do Senhor, e cantar a sua Palavra, proclamando sua grandeza e os seus atributos eternos.

"Os teus estatutos têm sido os meus cânticos na casa da minha peregrinação."  (Salmos 119:54)

A busca constante daquele que recebeu em sua vida o Evangelho, e creu de todo seu coração, tendo as boas novas de Cristo permeando todas as áreas da sua vida, sendo transformado dia após dia pela Palavra de Deus, terá como objetivo maior, reverenciar e confiar no Deus todo Poderoso, sabendo que nele e somente nele reside e pode estar a nossa confiança.

Porém o Verdadeiro Evangelho não tem sido pregado e nem cantado em todas as igrejas, e onde a palavra não é pregada, não há transformação. As pessoas saem da Igreja e esquece quem realmente é Deus, e vive uma vida espiritual longe das verdades do evangelho.

Existem pessoas sinceras em locais que não tem sido pregado e ensinado o verdadeiro Evangelho. Então estas pessoas assistem o culto, suas emoções muitas vezes são tocadas por palavras de motivação, gritarias, louvores totalmente voltados para os homens e distorções bíblicas aplicadas em algo temporal, suplantando o verdadeiro sentido do Evangelho na vida destas pessoas e tornando as motivações cada vez mais parecidas com a do mundo.

Por isso muitas pessoas não prestam culto como deveria, reconhecendo a Deus e sua grandeza. A verdade é que no mundo teremos aflições, porém continuaremos a louvar e proclamar, cantando a sua Palavra, anunciando a sua justificação por meio da Fé, tendo a nossa esperança em Cristo e não em momentos passageiros, ou ainda conquistas temporais.

Certa vez ouvi de um pregador conhecido que não se deveria pregar sobre o pecado, e sim trazer uma mensagem de conforto. Pergunto-me qual mensagem de conforto existe maior do que saber que somos pecadores, que já nascemos em pecado pela nossa natureza adâmica, que o pecado veio ao mundo por um homem, que todas as nossas faculdades (áreas das nossas vidas) foram afetadas, mas que o nosso Deus providenciou uma morte vicária, onde Cristo levou naquela Cruz toda a Ira que estava direcionado as nossas vidas, sendo nós em Cristo reconciliados para com Deus por meio da fé e agora não mais para viver escravo do pecado e sim para as boas obras daquele que nos tirou das trevas para sua maravilhosa Luz.

Por meio da Palavra reconhecer e ter a convicção que somos pecadores e que necessitamos da justiça de Cristo para cobrir a nossa injustiça.

Quando temos conhecimento destes fatos, só resta para o homem dobrar os joelhos diante do Poder e da Soberania absoluta de um Deus Eterno e reconhecer através de louvor e adoração a ELE, e somente a ELE que todas as coisas foram feitas por meio dele e para ele.

 “Porque dele e por ele, e para ele, são todas as coisas; glória, pois, a ele eternamente. Amém." (Romanos 11:36)

Os caminhos, pensamentos de Deus são bem diferentes dos nossos. Muitas vezes não entendemos os planos de Deus e por que as coisas acontecem. Mas sabemos que Deus, é o dono do saber,  é aquele que está no controle de todas as coisas. Enquanto nós precisamos de fontes externas, Deus é a sua própria fonte.

Diante de um Senhor tão poderoso, Santo, amoroso e misericordioso, não podemos de maneira alguma negligenciar o culto a ELE. Mas devemos cantar e viver estas verdades todos os dias de nossas vidas.

Cantar louvores (elogios) para nosso Deus. Nosso culto precisa ser com ordem e decência e não com bagunça. Um culto racional (Romanos 12:1), exaltando o nome de Jesus, com uma adoração sincera, vinda de um coração puro! Devemos buscar e louvar ao Senhor de acordo com o que está escrito na Palavra.

O nosso culto e o nosso louvor tem que ser para proclamar as verdades bíblicas e glorificar a Deus.

Em Cristo!
Flávio Oliveira 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...