segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Cântico novo - Por Giuliana Troilo

"Esperei com paciência no Senhor, e ele se inclinou para mim e ouviu o meu clamor!
Tirou-me de um lago horrível, de um charco de lodo,
pôs os meus pés sobre a uma rocha, firmou os meus passos,
E pôs um cântico novo na minha boca, um hino de louvor ao nosso Deus, muitos O verão, e temerão, e confiarão no Senhor."
 Salmo 40:1-3

Por Giuliana Troilo

Quando os dias vão passando e uma mesmice cai sobre o nós, parece que o coração fica em um "estado de pausa". Assim como usamos aquele botão do controle remoto “pausa” nos filmes, vídeos, tenho a impressão de que os nossos pensamentos ficam “pausados” quando a nossa vida fica meio monótona. Eu sei bem que a vida não é festa todos os dias, nem choro todos os dias, e é verdade que precisamos de dias que simplesmente sejam normais, sem grandes acontecimentos. Mas não é disso que estou falando quando cito esta pausa. Estou dizendo quando nós ficamos VAZIOS. Vamos orar e parece não haver nada interessante ou realmente importante para se falar, ou lemos a palavra, estamos no culto, conversamos com nossos irmãos e minutos depois os pensamentos se foram, tudo vazio. Quando me pego procurando ouvir uma música antiga que me marcou, penso: “parece que não acho nada melhor para ouvir, vou procurar um cd antigo que me lembre daquilo que Deus me falou na época...” . E ouço, e me lembro com aquela nostalgia! Mas não adianta, a pausa continua. Os pensamentos estão vazios, ou até mesmo cheios, mas daquilo que já cansamos de pensar.

Nossa grande esperança está no salmo acima citado, de número 40, que começa dizendo: “Esperei com paciência no Senhor...”. A espera às vezes já é longa, imagine a espera com paciência. Quando percebo em meu coração e pensamentos esta monotonia paro de tentar procurar soluções naturais. Sei que “o cântico novo” vem do Senhor, e que só vem depois de esperarmos Nele, e usando os frutos do Espírito (que nos foram dados para serem usados!!!)  com domínio próprio para minha ansiedade, coloco a minha confiança no Senhor, e tenho fé suficiente para pacientemente esperar Nele. 

Como nosso amado Mestre dos mestres Jesus nos ensinou "a boca fala o que está cheio o coração" (Mt 12:34), o cântico novo é o fruto do que está no coração. Por isso clamo ao Senhor, as palavras de Davi no salmo 54, "torna a dar-me alegria da Tua salvação!" Essa alegria enche o coração vazio, esquecido dos grandiosos feitos de nosso salvador, é como voltarmos ao primeiro amor! Como está no verso 2 do salmo 40, nos lembramos da obra redentora de Cristo, de como fomos tirados da perdição. E firmados os pés na rocha e os passos dados sem vacilar, enchendo nossos lábios de louvor, vemos o Senhor sendo exaltado através de nossa vida: muitos O verão e temerão, e confiarão no Senhor! Nossa vida pode passar por momentos de pausa, de pensamentos monótonos e dias vazios, mas sabemos que nossa fonte inesgotável de alegria está na obra de Cristo.

Quero finalizar lembrando um cântico antigo, que gosto muito. Ele não me traz sentimentos nostálgicos, pelo contrário, me faz lembrar daquilo que é o único motivo da minha alegria e que as correrias deste mundo querem constantemente me fazer esquecer: a alegria da Tua salvação!


Eu tenho em mim um canto de vitória,
que foi escrito por Jesus na cruz
Um canto lindo que mudou a história,
e que ao mundo em trevas trouxe luz
Eu tenho em mim um canto de esperança
que a todos eu preciso proclamar
Jesus selou comigo uma aliança,
na qual eu vivo e posso descansar

Eu tenho em mim um canto de alegria
Eu tenho em mim um hino de louvor
não apenas de palavras,mas de vida e amor
que testemunham a vitória do senhor

Com meus lábios canto a verdade
que o rei JESUS em breve voltará
virá com, seu poder e majestade
e com suas igrejas em glória reinará

Música: Canto de vitória, Asaph Borba 

Este artigo foi enviado pela minha esposa Giuliana - Muito bom! Leia com atenção!
                      



Gostou? Comente / Divulgue:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...